A prática do surf cresce a cada ano, com isso cresce também o número de praticantes do sexo feminino, que ainda busca espaço no âmbito do esporte, sendo o meio profissional pouco explorado por elas, porém serve para incentivar mulheres a praticar o surf de forma amadora, sendo essas surfistas recreativas uma quantidade representativa do esporte atualmente. O objetivo do presente estudo foi analisar o perfil nutricional de mulheres praticante de surf. A coleta de dados foi realizada com 17 surfistas do sexo feminino de idade entre 19 a 37 anos, que foram submetidas aos questionários de dados pessoais e de frequência alimentar, além da avaliação antropométrica. Foi verificado que todas as participantes apresentaram eutrofia e baixo risco cardiovascular segundo os parâmetros IMC, percentual de gordura, RCQ e RCE. Na frequência alimentar foi observado que o consumo de carboidratos é proveniente principalmente do grupo de cereais, grãos e tubérculos, enquanto o alimento proteico mais consumido é o ovo, em relação ao consumo de frutas somente a banana é consumida por todas as pesquisadas. Conclui-se com o trabalho que as surfistas estão com perfil nutricional adequado, porém a alimentação pre-cisa ser aprimorada, para manutenção nutricional, bem como melhorar o rendimento esportivo.
Clique Aqui para Baixar a Obra Completa
Tipo De Obra: TCC
Classificação Temática: NUTRIÇÃO
Ano: 2019
Cutter: F477c
Publicação: 10-02-2020
Nº Páginas: 16
Autores:
Ítalo Galeno Fiho (italogaleno@oi.com.br)

Orientadores: 
M.Sc. LIANNA CAVALCANTE PEREIRA (Lattes)

M.Sc. LIANNA CAVALCANTE PEREIRA (Lattes)

Palavras-Chave: 
  • Antropometria
  • Esporte
  • Estado nutricional
  • Mulheres
  • Surf
Keywords: 
  • anthropometry
  • Nutritional status
  • Sport
  • Surfing
  • Women